Ministério do Trabalho faz pedido para 2.595 vagas

Excelente notícia para quem esta aguardando o concurso para o Ministério do Trabalho (MTE). O órgão enviou no último dia 25, o pedido de autorização do seu novo concurso público para o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. O pedido é para o preenchimento de 2.595 vagas, sendo 1.163 para quem possui ensino médio e 1.432 para nível superior, com remunerações iniciais que chegam a R$ 16.201,64.

1.163 são somente para a carreira de agente administrativo, que pede apenas ensino médio para concorrer, com remuneração inicial de R$ 3.881,97, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 458.

1.432 vagas de nível superior, 1.190 são para o já aguardado cargo de auditor-fiscal do trabalho. Neste caso, para concorrer é necessário possuir formação de nível superior em qualquer área de atuação, com inicial de R$ 16.201,64, já com o benefício.

Já as 242 vagas restantes de nível superior, estão destinadas para as carreiras de administrador (85), arquivista (34), contador (54), engenheiro (5), estatístico (5), sociólogo (3), psicólogo (26), técnico em assuntos educacionais (10), técnico em comunicação social (10) e economista (12).

Para agente, a última seleção ocorreu em 2014 e foi organizada pelo Cespe/UnB. O exame contou com 120 tópicos, sendo 50 de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos, além de prova discursiva de conhecimentos específicos.

Em conhecimentos básicos foram cobrados temas de língua portuguesa, noções de informática, noções de direito administrativo, atualidades, ética no serviço público e noções de administração financeira e orçamentária. Em conhecimentos específicos, legislação específica, noções de gestão de pessoas nas organizações, noções de administração de recursos materiais, noções de arquivologia e noções de gestão e fiscalização de contratos e convênios.

Para auditor, a última seleção ocorreu em 2013, também organizado pelo Cespe/UnB. A seleção contou com provas objetivas, exames discursivos e sindicância de vida pregressa. As provas objetivas tiveram 220 perguntas, sendo 100 de conhecimentos básicos e 120   de conhecimentos específicos.

Em breve traremos mais informações e dicas de como melhorar sua preparação com os melhores Professores do País.

Fique ligado em nossas redes sociais